quinta-feira, 15 de novembro de 2012

A conspiração dos massoretas para esconder o nome sagrado.



A cada dia que passa eu escuto mais besteiras e falácias de gente que não estudou nem hebraico e nem historia de Israel acusando os massoretas de ter ocultado o nome sagrado do soberano Deus.

E não existe nada mais absurdo e sem sentido do que tal acusação, e para mostrar como esta acusação é absurda estou escrevendo este texto de forma bem irônica para sintetizar e mostrar como esta ideia é ilógica.

Imagine a seguinte historinha:

Um grupo de estudiosos de Hebraico decide se juntar para omitir a pronuncia do verdadeiro nome do Criador, apenas para este fim especifico se reúne uma grande casa de estudiosos de hebraico, pois eles tem muito tempo livre em sua vida de estudo e podem largar seus estudos diarios para fazer esta obra tão importante de omitir o santo nome, mesmo em uma epoca que não existia a imprensa e tudo era feito com pena e tinta, letra por letra, e mudanças deste tipo seriam super demoradas, para isso eles começam tirando a pronuncia fonética do nome YHVH e colocando a pronuncia de Adonay, apenas para esconder o nome verdadeiro do conhecimento das demais pessoas.


O segundo passo deles para omitir o nome foi retirar de todos os nomes teoforicos o prefixo “verdadeiro” e substituir por um falso, então se escolheu Yeho, talvez por que era mais bonitinho e mais sonoro, ou alguem tirou no palitinho e escolheu esta pronuncia.

Depois de ter feito isso o terceiro passo foi retirar de alguns nomes de personagens o trigrama e fazer uma contração proposital como no caso de Yosef, pois não bastava mudar o som, tinha que tirar algumas letras para ficar mais profissional.

E para concluir eles mandaram vários mensageiros para todos os grupos judaicos da época, mesmo aqueles que eram contra o seu pensamento religioso, para que concordasse em não citar o antigo nome, já que nenhum grupo judaico que se tem noticia citou a pronuncia Yahu ou YAOHU como prefixo em nenhum manuscrito antigo.

E foi assim que se omitiu o nome verdadeiro das biblias antigas hehhhe

Agora falando serio, quem acreditaria em uma loucura destas conhecendo o trabalho árduo dos massoretas? Mas muitas pessoas creem em tal loucura pelo simples fato de morrer de preguiça de estudar em fontes verdadeiras.

Esta historinha de conspiração é tão absurda que se analisarmos de maneira meticulosa vamos encontrar varias falhas neste pensamento.

Primeiro se os massoretas queriam omitir o nome sagrado e o nome sagrado seria YAHU ou YAOHU, então pq eles foram retardados ao ponto de esquecer-se de retirar esta pronuncia do final de alguns nomes?

Será que todos os massoretas estavam bêbados que se esqueceram de perceber que qualquer pessoa que lesse em hebraico iria entender a pronuncia do final do nome e descobrir a tal “ Pronuncia sagrada” ?

Uma outra pergunta seria esta, será que ninguém lembra da proibição bíblica de se santificar o nome?

Será que alguém lembra que santificar em hebraico significa separar e portanto quando se separa um nome, não se pode usar este nome da mesma maneira que os demais ?

Assim sendo pensar que a pronuncia correta estaria no nome dos personagens seria o mesmo que usar este nome de maneira comum.

Pois imagina a cena de alguém que todo dia chamava Eliahu vem aqui me ajudar a pegar água, Eliahu vem aqui cortar a lenha, Eliahu vem aqui fazer isso ou aquilo, automaticamente em todas as vezes estaria tornando o nome sagrado algo comum, assim sendo blasfemando do nome.

Portanto esta ideia de que a pronuncia verdadeira esta no nome dos profetas não passa de falta de conhecimento histórico.

Será que ninguem lembra que existiam outros grupos judaicos na epoca e que nenhum deles siquer citou qualquer nome teoforico que tinha esta pronuncia de Yaohu ou Yahu como prefixo no hebraico ?

Será que ninguem lembra que o trabalho dos massoretas foi em todo o tanach e se o objetivo fosse omitir alguma coisa não existiria semelhança entre nenhuma palavra do texto massoretico e do texto de Qunram, e não encontrariamos confirmações das palavras nestes textos?


Então amigos parem de se iludir e comprem livros de hebraico e se dedique algumas horas por dia para aprender este idioma, antes de falar de algo sem nenhum conhecimento.

Um abraço e bons estudos.
Eduardo e. da silva

2 comentários:

  1. A verdade contida na palavra do D'us Eterno é :"O Eterno só revela o seu Nome a quem Ele achar temente e suficientemente capaz de conhecer o seu Nome" assim como o revelou a Moises e explicou o seu significado. Se os que são buscadores e adoradores do D'us Eterno e único Verdadeiro, são aptos como Moisés foi e tiverem o mesmo nível de fé que ele teve No Eterno, o Eterno lhe revelará o seu Sagrado e Onipotente Nome!

    ResponderExcluir
  2. olá amigo eduardo tudo bém? eu sou o pmw.marceneiro@gmal.com os massoretas foram cem duvida, os guardiãos das escrituras. Deus nunca ia confiar, em outras pessoas, que não fosse eles, para manter a integridade da sua palavra. por favor entre em contato comigo.

    ResponderExcluir